quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Eu, Fábio Assunção e os Cangurus falantes do Camboja

Por incrível que pareça tenho algo em comum com o Fábio Assunção além da beleza e do signo: Nós dois lutamos contra o vício da Coca~*. No meu caso trata-se do líquido preto que há séculos domina o mundo.

Parabéns! Você conseguiu!!
Palmas, calor infernal de 42°C na SOMBRA, ônibus sem ar-condicionado parado no semáforo. Uma musiquinha irritante da Wanessa Camargo termina e, de repente, ouço o barulho de uma lata de refrigerante sendo aberta, acompanhada de um

..!
Arregalo meus olhos e engulo minha saliva como se fosse uma pedra. Os fios de cabelo do meus braços arrepiam-se rapidamente e minhas mãos começam a suar. A garganta fica tão seca quanto um poço no deserto do Saara.
Fecho meus olhos com força mas SÓ~ VEM UMA COISA NA MINHA CABEÇAAAA!!!!!!!



dojsdjzdssdioaosaidbuauau~/][]///;~*&;

Quase joguei mais de 11 meses no lixo. Sim, ONZE MESES E ONZE DIAS sem tomar a maldita! Já estava num estágio que tomava 1 litro e meio por dia, igual água.
Depois de passar a contagem regressiva do Ano Novo tirando tudo de ruim que tinha dentro de mim (6 doses e meia de vodca), decidi que passaria o ano de 2009 sem dar dinheiro para o Papai Noel americano, e pretendo não dar mais.
Claro que meu vício nem se compara com o de Fábio Assunção. O dele é muito mais caro! Desejo perseverança para o cara, pois apesar de meu vício ser considerado "banal", sei como é duro largar.


E libertador!


PS: NUNCA MEXA COM UM CANGURU!!


3 comentários:

David disse...

Pô! Gostei da forma como vc abordou o termo coca e o vício, ainda mais quando vc luta contra o pobre líquido preto. Desejo perseverança pra vc também eeee muito loco a parte do canguru.... não sei de onde vc tirou essa ideia, mas ficou bom.

Hermes disse...

Realmente muito inteligente a sua abordagem.... só não entendi onde entram os cangurus falantes do camboja (que ainda ireia ao sudoeste asiático vasculhar - tenho certeza que existe e ganharei um nobel da paz or salvá-los da extinção)

souzinha disse...

é gordim mais um tempo ai né sem a famosa coca na sua viciada vida...